em ,

MINOR Comprimido

Não tome remédio antes de ir a um médico

Redutor do colesterol utilizado como tratamento de manutenção em longo prazo, geralmente associado com uma dieta específica pobre em colesterol. Uso Oral.

Anúncios

A Lovastatina é um agente redutor do colesterol isolado do fungo Aspergillus terreus. Após a ingestão, a Lovastatina é hidrolisada da sua forma inativa para o seu â- hidroxiácido correspondente, o qual é um potente inibidor da enzima 3-hidroxi 3-metilglutaril-coenzimaA (HMG-CoA) redutase, que catalisa a conversão do HMG-CoA para mevalonato, uma etapa precoce e limitante da síntese endógena do colesterol. Desse modo, a Lovastatina atua como um agente redutor do colesterol.

Indicações: Hipercolesterolemia; hiperlipidemia (para redução dos níveis elevados de colesterol total e LDL- colesterol).

Anúncios

Contraindicações: Hipersensibilidade à droga. Doença hepática ativa ou elevações persistentes não-explicadas das transaminases séricas. Gravidez, lactação.

Anúncios

Precauções: Pode sofrer ou provocar aumento das reações adversas com: ciclosporina; eritromicina; genfibrozil; niacina; imunossupressores. Os efeitos terapêuticos do produto só aparecem cerca de 2 semanas após o início do tratamento, atingindo uma ação máxima após 4 ou 6 semanas. Não ingerir bebida alcoólica.

Efeitos colaterais: Alteração do paladar; alteração do sono; boca seca; coceira; constipação intestinal; diarréia; dor de cabeça; dor na barriga; erupção na pele; fadiga; gases; hepatite; hipersensibilidade; náusea.

Anúncios

Atenção: O uso de qualquer medicamento só deve ser feito por recomendação e orientação de um médico, essas informações são de caráter meramente educativos e não substituem em hipótese alguma a avaliação de um especialista médico.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

MINIDEX Solução Oftálmica

MONOZOL Comprimido